Franqueadora

Av. Manoel Ribas, 2.611, Mercês - Curitiba - PR               

[41] 3107 1530

Temos unidades franqueadas em todo o país.

September 2, 2019

Please reload

Posts Recentes

Não utilizo nem 50% do potencial do meu sistema, porque devo pensar em inteligência artificial na advocacia?

Muitos escritórios de advocacia e utilizam muito pouco do potencial de seu sistema de gestão e hoje muito se ouve a respeito da inteligência artificial e o quanto ela pode ser revolucionária no mercado jurídico.Mas será que devo ficar preocupado e planejar mudanças nesta área? Quanto tempo estas inovações serão realidade na maioria dos escritórios?

 

Minhas respostas para estas perguntas são bem diretas e mais à frente irei justificá-las, mas sim, você deve planejar as mudanças nesta área; quanto ao tempo que as inovações estarão presentes na maioria dos escritórios, bem, várias inovações de inteligência artificial já estão em operação aqui no Brasil.

 

Ademais, se a sua banca estiver formatada como boutique, não deve ficar tão preocupado assim, apesar de que traria benefícios fantásticos para ela. Porém, se sua banca atua com processos massificados, não possui uma gestão profissionalizada ou não utiliza seu sistema jurídico ao máximo, você deve correr para não ser substituído pela tecnologia.

 

Por certo os benefícios da inteligência artificial são enormes e se iniciarmos com o básico;automatização / robotização de processos, já podemos constatar excelentes benefícios como; maior produtividade, eficiência e agilidade na produção. Com estes resultados, já estaríamos falando em um aumento significativo no lucro do escritório; visto que os advogados deixariam de fazer tarefas repetitivas ou de cunho administrativas, focando no que sabem fazer de melhor, produção jurídica.

 

Inclusive, tais ferramentas não possuem um preço tão alto e estes pacotes já estão prontos e presentes nos melhores sistemas de gestão jurídica do mercado. Porém, antes de mais nada, seria necessária uma análise prévia da situação do escritório, planejamento, ajustes na cultura organizacional, elaboração de manuais de procedimentos, treinamento e algumas alterações nas rotinas dos colaboradores, pois em certos casos, é possível implantar tais benefícios com o sistema já existente; caso não seja possível,entra a decisão por uma atualização ou mesmo uma substituição por outro sistema.

 

Contudo, para os escritórios que utilizam perto de 95% da capacidade de um sistema atualizado e bom, a sua equipe está afinada com as rotinas ou gostaria de melhorar radicalmente o modo de trabalho, talvez as ferramentas de inteligência artificial mais avançadas, que utilizam redes neurais com aprendizado profundo de mais de 100 camadas, podem ser uma alternativa interessante.

 

Já existem diversas ferramentas avançadas de inteligência artificial, dentre elas podemos citar; A visão por computador, Processamento de Linguagem Natural, Computação “Afetiva”, GPUs, e Computação Cognitiva.Você deve estar se perguntando, mas o que diabos é isto? Bom, apesar de vago e fascinante, não é nada de tão complexo assim, mas por hora me limitarei ao tema do artigoe explicarei cada uma destas ferramentas e o que elas fazem ou podem fazer para setor jurídico em outro artigo.

 

Para concluir, você deve ficar atento e buscar maiores informações a respeito da inteligência artificial por alguns motivos muito especiais. Ela, bem utilizada, poderá aumentar muito seu lucro, fazer você ganhar mercado ou garantir que você permaneça nele, claro, sempre levando em consideração uma análise individual da realidade de cada banca jurídica.

 

OBS. Tenha sempre em mente que uma empresa de tecnologia irá sempre tentar vender o produto ou conhecimento que ela disponha no momento, então, para uma mudança com gastos monetários elevados e esforço de trabalho grande, conte com o auxílio de um consultor especializado, isto fará você economizar tempo, dinheiro e evitar muitas dores de cabeça.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload

Procurar por tags