Franqueadora

Av. Manoel Ribas, 2.611, Mercês - Curitiba - PR               

[41] 3107 1530

Temos unidades franqueadas em todo o país.

September 2, 2019

Please reload

Posts Recentes

Advogado: você enxerga seu escritório como uma empresa?

September 1, 2017

Não é preciso voltar muitos anos na memória para lembrar que, antigamente, a
advocacia era vista como um trabalho simplesmente intelectual e individual. Não é mais assim! A advocacia se modernizou em vários sentidos e a quantidade de advogados e escritórios aumentou consideravelmente.

 

Diante desse cenário, a advocacia foi obrigada a prestar serviços cada vez mais eficazes, necessitando, cada vez mais, de organização e profissionalização. Para permanecerem no mercado, portanto, é preciso enxergar o cliente na acepção da palavra e o escritório como uma verdadeira empresa.

Quando se entende que o escritório precisa ser visto como uma empresa, começa uma preocupação com a gestão, com a organização e com a produtividade. Ao enxergar o escritório como uma empresa, vai se deparar com várias questões, como
por exemplo:

 

*A preocupação com a Tecnologia de Informação do Escritório e/ou departamento:

segurança das informações e dos arquivos do escritório e qualidade dos equipamentos e softwares utilizados; 

 

*A preocupação com a administração interna: distribuição de funções e

regulamentação das diretrizes e procedimentos do trabalho - compliance;

 

*A preocupação com a satisfação do cliente: contato com o cliente, feedback e

emissão de relatórios;

 

*A preocupação com as finanças: organização do fluxo de caixa, planejamento

financeiro, precificação correta dos serviços prestados e relatórios gerenciais;

 

*O planejamento estratégico: metas a curto e logo prazo, missão e valores.

 

Tudo isso é importante para o sucesso de uma empresa e não deve ser, de forma alguma, ignorado pelos profissionais jurídicos, pois, ao observar essas questões, é possível alcançar maior rendimento e, consequentemente, melhores resultados financeiros.

 

É certo que o advogado ama a profissão – ao menos é o que se espera de alguém que esteja atuando –, mas, se esse abriu um escritório, com certeza almeja crescer
profissionalmente, captar bons clientes e, obviamente, ter lucro.

 

Por isso a necessidade de conhecer e se aprofundar em Gestão Jurídica ou Gestão Legal.
 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload

Procurar por tags